Amar é admirar


Amar é admirar.


É cansativo estar com alguém que se distrai, enquanto você está a lutar.


Não é sobre querer algum proveito singular, mas sim sobre ter uma relação democrática, de patamares equivalentes.

Onde os dois cresçam e escolham o que sacrificar…

Recompensas serão os resultados!


Sou contrária a frases clichês que dizem que amar é se doar.

Quero um amor em ascensão...

Amor que ensina e se aprende...

Amor que agrega!


Tenho amor de movimento, digo não a estacionamento!


O ânimo da relação...

O que aprendemos um com o outro?

Qual será a extensão disto em nossas vidas?

Como manter o romance vivo?


Resposta: Quando, da amizade e atenção recíprocas, o tempo é consequência disso.

De nada valeria o tempo, quando do tempo não se faz poesia.


Casa tem que ter movimento.

Vida é movimento.

E movimento não significa agitação...

É possível se movimentar com equilíbrio!


O movimento é o antídoto contra muitos males, como por exemplo: a insônia, a depressão, a procrastinação, a adversidade, desmotivação entre tantos outros...


Dê movimento a sua vida e contagie todos ao seu redor!


Seu parceiro encontra-se em uma situação na qual nada faz para sair de sua zona de conforto e estagnação?

Pois bem, ao invés de ficar se lamentando, ajude-o a sair dessa situação!


Como?


É simples…

Dê o exemplo!

Faça suas obrigações muito bem feitas!

Não postergue, não procrastine, não entre na "onda" em que seu parceiro se encontra!


Você é mais forte do que isso.


Não adianta nada reclamar dele e fazer igual…

Se quer ser ouvida(o), precisa fazer por onde.


Restabeleça sua rotina, suas obrigações, suas prioridades e seus horários…


O resultado virá…


E seu "amor" não vai querer ficar para trás!


Texto: Cris Monteiro



1,300 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo